27.8 C
Luanda Province
Segunda-feira, Abril 15, 2024
 

Alemanha Assina Acordo com os EUA para Substituir Gás Fornecido pela Rússia

A fim de garantir a segurança energética da Alemanha, a empresa americana Venture Global LNG e a Securing Energy for Europe assinaram um Acordo de Compra e Venda (SPA) de LNG de longo prazo. A subsidiária da SEFE,  WIingas GmbH, comprará cerca de 2,25 MTPA de LNG do CP2 LNG, o terceiro projeto da Venture Global, por um período de 20 anos, visto que a Alemanha tem envidado esforços de formas a garantir as suas necessidades energéticas depois da Rússia ter interrompido o suprimento de gás para aquele país. Este contrato torna a Venture Global no maior fornecedor de LNG da Alemanha.

A empresa Gazprom Germania, renomeada em 2022 como Securing Energy for Europe (SEFE), com sede em Berlim, é actualmente detida a 100% pelo governo alemão, em razão do superendividamento da empresa e a ameaça à falência que colocavam em risco a segurança do abastecimento de gás na Alemanha. Desta forma a empresa russa Gazprom perde efectivamente suas acções na companhia.

A Sefe tem desempenhado um papel de liderança em garantir a segurança no fornecimento de energia não apenas para a Alemanha, mas também para o resto do mercado europeu. A Alemanha agiu de forma decisiva na diversificação do seu portfólio energético, pois busca fortalecer sua segurança energética e, ao mesmo tempo, promover o progresso ambiental.

Por outro lado, no final de 2022, a Alemanha assinou um acordo com o Catar, através do qual o Catar fornecerá LNG à Alemanha para pelo menos 15 anos a partir de 2026, num acordo entre a empresa estatal QatarEnergy e a empresa americana ConocoPhillips, com foco na expansão do projecto North Field East (NFE) e North Field South (NFS) do Catar. Diante da perspectiva de não haver gás russo, a Alemanha começou no ano passado a instalar unidades flutuantes de armazenamento e regaseificação (FSRUs).

No início de Janeiro do ano em curso, a Alemanha recebeu o primeiro carregamento de LNG proveniente dos EUA, no recém-inaugurado terminal de importação LNG em Wilhelmshaven. Portanto, a Alemanha projecta congregar uma capacidade de importação de LNG de cerca de 70,7 MTPA até 2030, o que a tornará na 4ª  maior importadora de LNG do mundo.

A instalação CP2 LNG, terminal projectado para exportar gás, tem uma capacidade nominal de exportação de 24 MTPA de LNG. A instalação inclui 18 blocos de LNG para liquefação de gás natural produzido internamente recebido do Oleoduto CP Express e 04 tanques de armazenamento de LNG. Para esse projecto, estatal alemã, juntou-se a outros clientes do CP2 LNG, incluindo a ExxonMobil, Chevron, Jera, New Fortress Energy, Inpex, China Gas e EnBW.

SourceOilPrice

Subscreva

- Obtenha acesso total aos nossos conteúdos premiums

— Publicidade —

Recentes

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui