26.8 C
Luanda Province
Segunda-feira, Abril 15, 2024
 

Angola Contará com Uma Nova Empresa de Suporte Marítimo Offshore 

A OCTOMAR e a CABSHIP assinaram no passado dia 08 de Junho em Luanda, um Memorando de Entendimento para a criação de uma nova empresa de apoio marítimo Offshore, na zona franca de Cabinda. 

Tanto a Octomar como a Cabship terão um interesse participativo de 50% na Joint-Venture. Esta parceria entre as 2 empresas angolanas representa um avanço no Conteúdo Local em Angola, isso após a promulgação do recente Decreto Presidencial n.º 271/2020, que se tornou no no principal instrumento jurídico de promoção do Conteúdo Local no sector petrolífero em Angola. 

No mercado há mais de 20 anos, a OCTOMAR é das principais empresas angolanas prestadoras de serviços na indústria de petróleo e gás, respondendo por mais de 50% do mercado de serviços de mergulho, destacando-se ainda nos serviços de apoio à construção, exploração e produção de campos petrolíferos, terminais oceânicos e serviços de suporte às FPSO e serviços subaquáticos, sendo que a empresa já conta com 2 subsidiárias, localizadas em Moçambique e nas Ilhas Maurícias. 

Com sede na província de Cabinda, a também vencedora do Angola Oil & Gas Awards 2021, na categoria  de Empresa do Conteúdo Local do Ano, a CABSHIP é uma empresa angolana de gestão e logística e de gestão da cadeia de abastecimento, a operar desde 2009, com uma vasta experiência em Petróleo e Gás, que vem aumentando a sua presença em diferentes partes do país, com o objectivo de se tornar num fornecedor de soluções integradas reconhecidas internacionalmente. 

Na ocasião, Luis Lago de Carvalho, administrador executivo da OCTOMAR disse que “Cabinda foi a província que permitiu à nossa empresa crescer e, acima de tudo, formar a maior parte dos nossos mergulhadores. Temos continuado a operar em Cabinda, mas a partir da nossa base de Luanda e achámos que devíamos mudar esse quadro tendo agora encontrado um parceiro sólido, e com a mesma visão sobre o conteúdo local, como a CABSHIP, para o fazer. Com a criação da Zona Económica Especial de Cabinda decidimos finalmente avançar e este é o primeiro passo para o que esperamos venha a ser uma empresa local com bastante sucesso e muitos motivos de orgulho para todos.”

Por sua vez, João Filipe CEO da CABSHIP afirmou que esta parceria estratégica entre empresas de capitais angolanos, visa demonstrar o nosso compromisso de continuar a agregar valor na cadeia de valores de prestação de serviços ao sector petrolífero por parte das empresas angolanas. Vamos criar empregos especializados e de suporte. A CABSHIP e a OCTOMAR são empresas com bastante experiência no Oil & Gas, e estão prontas para capitalizar a nova vaga de oportunidades no offshore angolano e, quiçá, nos países vizinhos. E por último, continuaremos comprometidos com a excelência operacional a exceder as expectativas dos nossos clientes, prestando serviços de padrões internacionais”.

O futuro terminal marítimo do porto de Caio na província de Cabinda também está na mira da nova Joint Venture 100% angolana, que será registada na zona franca de Cabinda.

Subscreva

- Obtenha acesso total aos nossos conteúdos premiums

— Publicidade —

Recentes

3 COMENTÁRIOS

  1. Boa Tarde Caríssimo

    Por favor estou precisando de um emprego
    me ajudem só por favor não importa o tipo de trabalho mais desde que seja digno e não prejudicar ninguém está bom, mais por favor mesmo me ajudem

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui