26.8 C
Luanda Province
Segunda-feira, Abril 15, 2024
 

Azule Energy & TotalEnergies Garantem Exploração dos Blocos 16/21 e 31/21 Offshore Angola

A Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis, em parceria com a TotalEnergies, Azule Energy e a Equinor, formalizou a assinatura dos Contratos de Partilha de Produção (PSA) para os Blocos 16/21 e 31/21 offshore Angola.

A TotalEnergies assumiu 100%a titularidade do Bloco 6/21, enquanto o Bloco 31/21 será operado pela Azule Energy com um interesse participativo de 50%, em parceria com a Equinor, que detém os restantes 50%.

Ambos os blocos estão localizados na Bacia do Baixo Congo e são resultados da Ronda de Licitação Offshore Limitada 2021/2022, que se alinha com o plano estratégico do governo angolano, que prevê atribuições de concessões petrolíferas para o período de 2019 a 2025, com o objectivo de revitalizar a exploração e produção de petróleo, conter o declínio na produção e maximizar as reservas petrolíferas do país.

A fusão estabelecida entre a bp e a Eni em agosto de 2022 abriu caminho para a Azule Energy ingressar neste contrato, marcando assim a sua primeira incursão na exploração de oil & gas desde a formação desta Joint Venture.

Adriano Mongini, CEO da Azule Energy, ressaltou a relevância dessa conquista ao sublinhar que a assinatura do PSA para o Bloco 31/21 reforça a posição da empresa neste sistema petrolífero amplamente reconhecido e testado, visto que a companhia já alcançou um notável êxito nas actividades de exploração & produção e na identificação de consideráveis reservas de petróleo em blocos vizinhos, demonstrando a consolidação da parceria estratégica em Angola, bem como a intenção de se afirmar como a principal produtora independente de petróleo e gás na região.

O contrato prevê a perfuração de 01 poço de pesquisa durante o período inicial de exploração que tem a duração de 05 anos. Essa iniciativa não apenas impulsiona a expansão das atividades de exploração na região, mas também reforça o compromisso conjunto da ANPG e da Azule Energy com o desenvolvimento sustentável do setor energético angolano.

Subscreva

- Obtenha acesso total aos nossos conteúdos premiums

— Publicidade —

Recentes

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui