Quarta-feira, Dezembro 7, 2022

Must read

Mais Artigos

Angola Cai Para 3ª Posição no Ranking dos Maiores Produtores de Petróleo em África

Apesar de ter atingido o pico de produção de petróleo em 2008 de quase 2 MBPD, Angola tem enfrentado um declínio na produção de crude que já se estende por mais de 5 anos, fruto da maturação dos seus campos petrolíferos, baixo desenvolvimento de campos marginais, paragens não programadas, avarias nos equipamentos e principalmente pela falta de investimento na exploração de petróleo. .  

Membro da OPEP desde 2007, Angola caiu em 2021 para a 3ª posição no ranking dos maiores produtores de petróleo em África, ficando atrás da Nigéria e da Líbia. Dados mostram que, Angola já registou um volume de produção superior à da Nigéria no 2º trimestre de 2008. 

Em 2021, o país produziu em média 1,124 MBPD, sensivelmente 148 KBPD (12%) abaixo do que o país produziu em 2020, cerca de 1,272 MBPD.

Top 4 dos Maiores Produtores de Petróleo em Africa em 2021 (MBPD)

PaísProdução Média 2021
1Nigéria1,312 MBPD
2Líbia1,207 MBPD
3Angola1,124 MBPD
4Argélia0,911 MBPD

A Nigéria é o maior produtor de petróleo em África e conserva essa posição há décadas, tendo atingido o seu pico de produção em 2005 num volume total de petróleo produzido de 2,475 MBPD. No entanto, o também membro da OPEP tem sofrido com as práticas de vandalismo nas infraestruturas afectas a actividade petrolífera e constantes ataques terroristas nas regiões produtoras de petróleo, traduzindo-se num grande desafio para a estabilização da produção petrolífera daquele país. Por conta destes eventos, a Nigéria viu a sua produção petrolífera cair de 1,493 MBPD em 2020 para 1,312 em 2021.    

A Líbia ocupa actualmente a 2ª posição como maior produtor de petróleo em África. Porém, a sua produção continua a ser prejudicada pelos constantes conflitos políticos em seu território, que têm resultado em bloqueio dos campos petrolíferos e encerramento de vários oleodutos.

O país atingiu o pico de produção em 2008, quando produziu em média 1,718 MBPD. Mas em virtude das interrupções nas operações, o igualmente membro da OPEP não tem conseguido alcançar a sua capacidade máxima de produção. Em 2020, a Líbia produziu apenas 389 KBPD em consequência da paralisação total dos campos durante 8 meses, mas em 2021 com a diminuição dos conflitos políticos, a nação do norte de África deu um salto quantitativo tornando-se no 2º maior produtor de petróleo em África, com uma produção média de 1,207 MBPD.         

Colocado na 4ª posição como maior produtor de petróleo em África, a Argélia possui uma economia fortemente atrelada à exploração e produção petróleo e gás, onde o sector petrolífero responde por cerca de 20% do produto interno bruto e 85% das exportações totais. Embora a produção da Argélia tenha registado declínio nos últimos anos, o governo local tem trabalhado no sentido de atrair mais os investimentos estrangeiros em E&P de formas a aumentar os seus níveis de produção.

A Argélia atingiu o pico de produção em julho de 2004, quando produziu 1,427 MBPD. Em 2021, o país produziu 0,911 MBPD, uma queda de 43% com relação ao ano de 2020, em que totalizou uma produção de 1,348 MBPD. 

Produção Mensal de Petróleo em 2021 (MBPD)

PaísJanFevMarAbrMaiJunJulAgoSetOutNovDez
Nigéria1.3611.4241.4291.3721.3441.3131.1321.2391.2471.2281.2751.197
Líbia1.1721.1831.2831.1681.2271.2431.2731.2231.1611.2441.2111.092
Angola1.1321.1371.1381.1761.1251.0731.1021.1291.1101.1061.1121.149
Argélia0.8740.8780.8700.8670.8910.9010.9150.9210.9370.9490.9590.966

Não obstante, Angola recentemente iniciou uma série de medidas que visam contrapor o declinio da produção, destacando-se a manutenção dos equipamentos operacionais nalguns blocos petrolíferos e o sucesso no desenvolvimento do projecto zínia fase 2 – Bloco 17 com uma capacidade de produção de 40 KBPD, bem como a entrada em produção do campo Cuica – bloco 15/06, e outras operações de optimização da produção em curso.

Uma outra variante não menos importante são as reservas de petróleo, em que Angola encontra-se na 4º posição no ranking dos produtores de África com as maiores reservas de petróleo, com uma reserva avaliada em 7,23 biliões de barris. O ranking das reservas é liderado pela Líbia com um volume total em reservas de 48,36 biliões de barris, seguido da Nigéria com 37,07 biliões de barris e a Argélia na 3ª posição com 12,20 biliões de barris em reservas provadas.

- Advertisement -spot_img

3 COMENTÁRIOS

  1. O Governo precisa investir mais nas áreas de descoberta de novos poços e exploração para fazer face aos novos desafios que o mercado internacional apresenta.
    Angola está a produzir abaixo da meta da OPEP de 1,4 milhões bbl/dia… Para alcançar a eficiência produtiva, deve haver investimentos em escala no sector petrolífera.

  2. O Governo precisa investir mais nas áreas de descoberta de novos poços e exploração para fazer face aos novos desafios que o mercado internacional apresenta.
    Angola está a produzir abaixo da meta da OPEP de 1,4 milhões bbl/dia… Para alcançar a eficiência produtiva, deve haver investimentos em escala no sector petrolífero.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img

Mais Recentes