Segunda-feira, Novembro 28, 2022

Must read

Mais Artigos

China Continua a Comprar Petróleo Venezuelano Apesar das Sanções dos EUA

Os carregamentos de petróleo da Venezuela para China continuam mesmo após os Estados Unidos terem reforçado as sanções sobre as exportações venezuelanas de petróleo em Agosto passado, ameaçando sanções para todas as empresas que fazem negócios com o governo de Nicolás Maduro. 

Dados apontam que mesmo depois do aumento da pressão por parte dos EUA, o petróleo bruto do país latino-americano continuou a fluir para a China através da unidade suíça da gigante russa Rosneft, com sede na Suíça, e após transferências navio a navio de modos a se ocultar o local de origem. 

Entre Julho e Dezembro de 2019, cerca de 18 navios-tanque transportaram um total de 19,7 milhões de barris de petróleo venezuelano rebranded para portos chineses. 

Após as novas sanções dos EUA em Agosto, a China National Petroleum Corporation (CNPC), um dos principais compradores de crude da PDVSA, mesmo após as rodadas iniciais de sanções contra a Venezuela, cancelou os planos de carregamentos do petróleo venezuelano, após pressão do governo de Donald Trump que ameaçou apreender seus activos.

Os carregamentos de petróleo da Venezuela para a China também se prolongaram em 2020. No início deste ano, os Estados Unidos aplicaram sanções ao braço comercial da Rosneft na Suíça como parte de suas tentativas de cortar todas as fontes de receitas do governo de Nicolás Maduro . Os EUA assumiram que estão prontos para apertar ainda mais o cerco ao governo venezuelano. (Oilprice).

- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img

Mais Recentes