Quarta-feira, Dezembro 7, 2022

Must read

Mais Artigos

Eni e bp Avançam com Joint Venture em Angola

A Eni e a bp decidiram avançar com a decisão de unirem seus portfólios em Angola, após terem anunciado em Maio de 2021 o início das discussões relativamente aos interesses de ambas as empresas no sector dos petróleos e LNG em Angola. 

As empresas acreditam que a criação de uma nova empresa irá trazer oportunidades significativas, com vista a impulsionar futuros desenvolvimentos e operações em Angola. Espera-se em particular que sejam geradas sinergias significativas, que seja criada uma operação mais eficiente e um aumento nos investimentos.

A nova aliança deverá reflectir o empenho de ambas as empresas em continuar a desenvolver o potencial do sector de upstream de Angola. A nova empresa será financiada pela bp e pela Eni, beneficiará das competências e do pessoal de ambas e espera-se que seja auto-financiada. A bp e a Eni esperam desenvolver um plano de negócios que permita capturar futuras oportunidades de exploração, desenvolvimento e a possibilidade de um aumento do portfólio em Angola e a nível regional.

A bp é operadora dos blocos 18 e 31, tem participações nos blocos 15, 17, 20 e brevemente no bloco 29. Tem também participação no Novo Consórcio de Gás (NCG) e na fábrica Angola LNG. 

A Eni é a operadora do bloco 15/06 e dos blocos de exploração Cabinda Norte, Cabinda Centro, 1/14 e brevemente o bloco 28, e é também operadora do “Novo Consórcio de Gás” (“NGC”). Além disso, a Eni tem participação em blocos operados por parceiros: 0 (Cabinda), 3/05, 3/05A, 14, 14K/A-IMI, 15 e Angola LNG.

A assinatura do acordo terá lugar na próxima sexta-feira, 11 de março, em Luanda.

- Advertisement -spot_img

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img

Mais Recentes