Domingo, Outubro 2, 2022

Gana Prepara-se Para Ser o Centro Logístico de Gás Natural da África Ocidental

Must read

A petrolífera estatal do Gana pretende vender gás natural liquefeito em toda  África Ocidental depois que os embarques de combustível começarem a fluir ainda este ano no terminal de importação Tema LNG no Gana, o primeiro terminal logístico offshore de LNG da África Subsaariana.  

Espera-se que o Tema LNG Terminal Co. inicie as operações comerciais no 2º trimestre e possa ajudar a criar um centro de energia para a região. A Ghana National Petroleum Corp. – GNPC comprará o LNG do Tema e venderá a posteriormente.

Alguns países da África Ocidental estão a adotar o uso de gás natural como parte de um esforço para levar eletricidade aos seus habitantes. Embora o uso de combustíveis fósseis seja criticado por contribuir para as mudanças climáticas, os dados estatísticos mostram que o continente responde por apenas 3% das emissões mundiais de gases de efeito estufa.

A GNPC está a trabalhar com parceiros interessados em construir infraestruturas para a venda de LNG para consumidores domésticos e outros mercados na região ocidental, e as opções disponíveis para distribuição de combustível incluem uma combinação de dutos e caminhões, de forma a reduzir o custo de transporte para os futuros compradores. Neste sentido, já houve um pedido de Benim, uma nação próxima, que planeia aumentar o seu suprimento de gás.

Entretanto, o Gana tem um acordo de 17 anos para fornecimento de 225 milhões de pés cúbicos padrão por dia de gás do terminal Tema, que é apoiado pela Helios Investment Partners e African Infrastructure Investment Managers, com o LNG fornecido pela Royal Dutch Shell Plc.

SourceWorldoil
- Advertisement -spot_img

Mais Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img

Mais Recentes