Sexta-feira, Dezembro 9, 2022

Must read

- Publicidade -spot_img

Mais Artigos

OPEP Aumentou a Produção De Petróleo Em Cerca De 400.000 BPD Em Maio

A oferta de petróleo da OPEP nos mercados internacionais aumentou em 390.000 BPD, para um total de 25,46 MBPD em Maio, sendo que os maiores aumentos vieram da Arábia saudita, seguido do Irão e Venezuela e a Líbia – países que estão isentos do acordo de redução de cortes da OPEP+.

A Arábia Saudita, maior exportador de petróleo do mundo e líder da aliança OPEP+ ao lado da Rússia, aumentou sua produção em 345.000 BPD para um volume total de 8,466 MBPD em Maio. Além da maior produção permitida pelo acordo, os sauditas se desfizeram no mês passado com o corte extra unilateral de 1 MBPD implementados entre Fevereiro e Abril. A Arábia Saudita tem reduzido gradualmente seu corte extra entre Maio e Julho, começando com aumentos mensais da produção na ordem dos 250.000 BPD em Maio e Junho.

Em contrapartida, a Nigéria e Angola registaram as maiores quedas na produção dentro da OPEP, cifrando-se em 72.000 BPD e 60.000 BPD, respectivamente.

A produção de petróleo dos membros da OPEP do Golfo vinculados ao acordo aumentou. O Iraque elevou a sua produção em 33.000 BPD, o Kuwait em 32.000 BPD e os Emirados Árabes Unidos produziram cerca de 28.000 BPD a mais em Maio em comparação ao mês de Abril.

O Irão aumentou sua produção de petróleo em cerca de 42.000 BPD para 2,455 MBPD em Maio, já que pretende aumentar a sua produção de petróleo consoante o delinear das negociações com os Estados Unidos em relação ao acordo nuclear, o que, em última análise, levaria ao levantamento das sanções americanas sobre as exportações do petróleo iraniano.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img

Mais Recentes