Sábado, Novembro 26, 2022

Must read

Mais Artigos

Preço do Barril de Petróleo Sobe Ligeiramente Após os Sauditas Acalmarem o Mercado

O preço do barril de crude subiu ligeiramente após a Arábia Saudita ter oferecido garantias de que a OPEP manterá os mercados globais de petróleo em equilíbrio, uma vez que as preocupações com a disputa comercial entre EUA e China provocaram a mais alta recessão mensal neste ano.

Os preços futuros subiram 1,7% em Nova York, depois de já ter registrado uma queda na sexta-feira na ordem dos 16% , motivada pelas especulações relativas a guerra comercial que poderá resultar na redução da demanda de combustível.

As tensões comerciais levaram o mercado petrolífero para a pior margem, tendo caído 18% em relação ao máximos alcançados em Abril. A situação tensa no Médio Oriente  não foi suficiente para sustentar os preços. Espera-se por uma maior clarificação sobre a continuidade da Rússia nos cortes de produção da OPEP. Esta semana, o mercado está a ser dominado pelo sentimento de baixa, reconhecendo que o preço do crude não está imune ao fraco crescimento económico global.

O West Texas Intermediate (WTI), para entrega em  Julho subiu $0,93 para $54,43/bbl na New York Mercantile Exchange. O contracto agora está em queda de 18% em comparação ao último fecho de  23 de Abril.

O Brent para a entrega em Agosto subiu $0,66 para $62,65/bbl na bolsa ICE Futures Europe de Londres. O contracto de Julho fechou 3,6% tendo atingido $64,49 antes de expirar na sexta-feira. O petróleo de referência global foi negociado a um prêmio de $8,08 em relação ao WTI.

O mercado poderá conhecer uma recessão em 9 meses se os EUA impuserem tarifas de 25% sobre um adicional de $300 bilhões em exportações chinesas e retaliações a Pequim, apesar dos investidores ainda estarem a subestimar os riscos desta guerra comercial para a economia global. (Oilandgaspeople).

- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img

Mais Recentes