Sábado, Novembro 26, 2022

Must read

Mais Artigos

Preços Futuros do Petróleo Estabilizam-se Por Falta de Novos Indicadores do Mercado

Os contratos futuros de petróleo permanecem em grande parte estáveis durante as negociações, com a divulgação de informações mistas sobre o mercado nas negociações comerciais em andamento entre os EUA e a China, enquanto aguardam-se por novas orientações sobre o fornecimento e preços do petróleo. 

O Ice Brent para entrega de Janeiro, observou uma subida $0,6/bbl (0,09%), e foi comercializado a $62,15/bbl. Enquanto que, o contrato de petróleo leve NYMEX (WTI) para entrega em Janeiro, observou uma subida de $0,8/bbl (0,14%), e foi comercializado a um preço de $57,85/bbl. 

O mercado petrolífero, não conseguiu encontrar a mesma onda de sentimentos positivos, face à semana anterior, em meio as actividades sem brilho, o foco permanece no desenvolvimento das negociações comerciais entre EUA-China. Porém, o ministro dos petróleos Norte-Americano afirmou que a próxima reunião da OPEP, agenda para Dezembro próximo serão discutidas estas questões. 

O presidente da China, Xi Jinping, afirmou na sexta-feira última que o país deseja concluir um acordo comercial com os EUA, baseado em respeito mútuo e igualdade. Numa audiência de visitantes internacionais o mesmo exarou que a segunda maior economia do mundo, reagiria quando possível e num momento oportuno, aquando desta guerra comercial, que segundo o chefe de estado Chinês, uma guerra iniciada pelos EUA e indesejada pela China. 

No entanto, a câmara de comércio dos EUA, declarou que o acordo da primeira fase pode não ser alcançado antes de 15 de Dezembro, quando está programada a próxima ronda de tarifas sobre os produtos chineses. Portanto, é esperado um começo positivo para a semana de negociações com os comentários comerciais, do presidente Donald Trump, embora os investidores continuem a contemplar a questão comercial EUA-China que pode não progredir concretamente até o final do ano. 

Porém, os mercados asiáticos podem tentar negociar com um tom mais positivo, sob esperanças de que o acordo comercial entre EUA-China ganhem um  impulso positivo. Os dados da Baker Huges divulgados na última semana, mostraram que o número de plataformas de petróleo activas nos EUA, caiu para 671. Os cortes na produção de petróleo de xisto nos EUA parecem ser mais prováveis. A actividade de perfuração continua em queda. (Platts).

- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img

Mais Recentes