Domingo, Outubro 2, 2022

Refinarias Chinesas Registam Baixa dos Últimos 6 anos

Must read

As refinarias de petróleo chinesas reduziram ainda mais as suas taxas diárias de processamento em cerca de 10 mbpd, taxa mais baixa desde 2014. 

Os refinadores reduziram as suas operações em resposta à queda na demanda por derivados de petróleo por causa do surto do coronavírus. No início do mês corrente as refinarias estatais reduziram as suas taxas de processamento em cerca de 10% equivalente a 940.000 bpd e as privadas com uma redução ainda mais profunda de 25% do que processavam antes do surto.  

Os preços internacionais do petróleo encontram-se sob pressão face ao efeito do surto, com indícios de começar a se estabilizar, apesar das sugestões preliminares de que a taxa de infecção possa ter atingido o pico e que as quarentenas estavam a terminar. Isso pode levar a uma maior deslocação do povo chinês o que irá apresentar melhorias na demanda de combustível, a um passo lento, pois todos ainda se encontram em alerta, com milhões de pessoas a trabalhar em casa. 

No entanto, curiosamente as refinarias estão a comprar mais petróleo, como proveito dos preços baixos para armazenagem em antecipação a recuperação da demanda que está vinculada, uma vez que os temores sobre o surto diminuem. (Oilprice).

- Advertisement -spot_img

Mais Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img

Mais Recentes