Quarta-feira, Setembro 28, 2022

Eletrificação da África Subsaariana Até 2030 Vai Custar $350 biliões

Must read

A região com menor acesso à energia do mundo, a África Subsaariana, vai precisar de um investimento de $350 biliões, dos quais 1/5 fora da rede, para obter acesso à eletricidade até 2030.

Actualmente, cerca de 640 milhões de cidadãos do continente Africano não têm acesso à energia, o que corresponde a uma taxa de acesso à eletricidade para os países africanos em pouco mais de 40%, a mais baixa do mundo. O consumo per capita de energia na África subsaariana, excluindo a África do Sul, é de 180 kWh, em comparação com 13.000 kWh per capita nos Estados Unidos e 6.500 kWh na Europa.

A eletrificação de África é um dos grandes desafios que o sector energético tem enfrentado e que pode moldar a próxima geração de modelos de negócios das empresas de energia. A evolução do modelo de negócios de utilidades da África Subsaariana, dentro e fora da rede, remodelará fundamentalmente a trajectória da demanda global de eletricidade e será essencial para o processo de transição energética

A persistente falta de acesso à eletricidade no continente berço, deve-se em parte ao enorme subinvestimento em infraestruturas. Além disso, grande parte das concessionárias em África estão a operar com prejuízo e não têm capital para expandir e melhorar o fornecimento de energia. Diante desses desafios,  África poderia aproveitar o declínio nos custos de energia renovável e de modelos de negócios inovadores. As redes de energia solar e armazenamentos bottom up descentralizados, poderiam não apenas transformar o futuro energético da África Subsaariana, mas trazer lições importantes para a próxima geração, no que tange o pensamento sobre modelos de negócios de utilidade global.

Estima-se que África tenha um potencial para 1.000 GW de energia solar. Apesar disso, a capacidade instalada real até 2020, era de apenas 10,58 GW.

- Advertisement -spot_img

Mais Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img

Mais Recentes