Domingo, Outubro 2, 2022

Traders Consideram Armazenamento de Crude no Mar

Must read

Três dos maiores comerciantes de petróleo do mundo estão a considerar   armazenar petróleo em navios no mar enquanto que a indústria tenta lidar com um excesso que surgiu de crude no mercado desde o surto do Coronvirús na China. 

A Vitol SA, a Royal Dutch Shell Plc e a Litasco SA estão entre as empresas que procuram contratar de superpetroleiros para fins de armazenamento após uma queda acentuada na demanda chinesa devido aos pedidos de adiamento de cargas.  

Embora o surgimento de armazenamento flutuante seja um choque para um mercado de petróleo, cuja principal fonte de crescimento da demanda “Chinesa” foi duramente atingida pelo surto, apesar do armazenamento no mar normalmente ser mais caro que as opções em terra. 

Para a Shell e a Vitol, os pedidos são simplesmente para encontrar navios para armazenar barris por várias semanas ou meses. Os comerciantes às vezes solicitam fretes regulares de carga para incluir opções de armazenamento. 

As refinarias chinesas reduziram a quantidade de petróleo que são transformados  em combustível em cerca de 15%, equivalente a 2 mbpd já que o surto dificulta a circulação de pessoas. 

A queda no processo levou a novas ofertas das ramas como  Lula do Brasil, bem como o petróleo da África ocidental. Os custos de frete de  uma transportadora de petróleo com capacidade de 2 mbp eram de $30,000 a $33.000 por dia, embora 1 mês em cotango de cerca de $0,30/bbl será insuficiente para compensar o custo total do frete do superpetroleiro. (Worldoil).

- Advertisement -spot_img

Mais Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img

Mais Recentes