21.3 C
Luanda Province
Segunda-feira, Julho 15, 2024
 

Preços Futuros do Crude Aumentam Conforme Diminuem as Incertezas Eleitorais nos EUA

Os preços do petróleo bruto subiram durante as negociações do meio da manhã desta segunda-feira, 9 de Novembro, acompanhando o movimento em outros activos de risco, à medida que a incerteza diminui em relação aos resultados da eleição presidencial nos EUA.

O contracto futuro do ICE Brent para entrega em Janeiro subiu $0,99/bbl (2,51%) e foi comercializado ao preço de $40,44/bbl, enquanto o contracto de petróleo doce NYMEX WTI para entrega em Dezembro subiu foi $1/bbl (2,69 %) e foi comercializado ao preço de $38,14/bbl.

Os marcadores subiram 3,98% e 3,77% na semana encerrada em 6 de Novembro, como indícios de que a aliança OPEP+ poderia estender seus cortes de produção actuais, compensando as incertezas em torno das eleições nos EUA. Com o democrata Joe Biden declarado vencedor da corrida de 2020 à Casa Branca, o petróleo retomou sua tendência de alta. Verifica-se uma espécie de efeito do sol causado pela vitória provisória de Biden, que está a fazer com que o petróleo suba esta manhã em linha com outros ativos de risco e um dólar mais fraco.

Os mercados acreditam que o governo Biden será mais positivo para o comércio internacional e poderá trazer os EUA de volta a essa estrutura, elevando o crescimento económico global e impulsionando o consumo global de petróleo. Fortes dados económicos da China contribuem para a tendência em alta, uma vez que os dados alfandegários demonstram o maior aumento nas exportações deste ano, em cerca de 11,4% em Outubro.

No entanto, os fundamentos do mercado permanecem pessimistas, o que importa para o petróleo é a pandemia e não os resultados das eleições nos EUA. Com as infecções por coronavírus nos EUA estabelecendo novos recordes diários e os bloqueios na Europa provavelmente prejudicando a recuperação econômica, as perspectivas para a demanda por petróleo continuam sombrias.

Contra este cenário sombrio, as preocupações do lado da oferta também aumentaram depois que a National Oil Corp. da Líbia informou em 7 de Novembro que a Líbia dobrou sua produção de petróleo para 1 mbpd em pouco mais de 2 semanas desde que suas facções rivais concordaram com um acordo de paz em 23 de Outubro. (Platts).

Subscreva

- Obtenha acesso total aos nossos conteúdos premiums

Recentes

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui