20.8 C
Luanda Province
Domingo, Junho 23, 2024
 

Problemas Regulatórios e Macroeconómicos Dificultam o Financiamento às Empresas do Conteúdo Local

Apesar dos esforços feitos pela Banca Comercial e outras instituições financeiras angolanas, as empresas de conteúdo local continuam a enfrentar dificuldades na obtenção de financiamento para o desenvolvimento de suas actividades na indústria de petróleo e gás.  

Os problemas regulatórios e macroeconómicos que o país vive, têm agravado as taxas e condições de financiamento da Banca comercial angolana, um cenário que afugenta as empresas prestadoras de serviços nacionais, levando muitas à falência. 

É notável hoje o interesse e a literacia da Banca local no negócio de petróleo e gás, no entanto, os produtos e serviços financeiros disponíveis para apoiar à actividade petrolífera ainda se revelam pouco atractivos para acudir às necessidades das empresas nacionais, que por falta de capacidade de produção interna de bens e serviços, precisam de divisas para subcontratar serviços fora do país. 

As altas taxas de inflação e juros que rondam os 30%, os termos de pagamentos na indústria petrolífera em kwanza, assim como outros aspectos fiscais e regulatórios, representam grandes obstáculos para o financiamento das empresas de conteúdo local. 

Como solução imediata a este problema, os empresários do sector defendem a redução dos prazos de pagamentos na indústria e a revogação da lei nº 02/2012 sobre o regime cambial aplicável ao sector petrolífero, e consequente retoma dos pagamentos em dólares aos prestadores de serviços locais, uma medida que deverá beneficiar as empresas, o sistema financeiro nacional e a economia em geral. 

As conclusões foram retiradas da 4º edição do Fórum Banca Oil & Gas, que teve lugar no dia 16 de Maio no Hotel Epic Sana, que reuniu executivos da indústria petrolífera e do sector financeiro para uma abordagem sobre as soluções de financiamento para o sector petrolífero, dentro de uma dinâmica competitiva e sustentável, permitindo o intercâmbio entre os principais executivos e investidores proponentes de projectos vinculados ao sector petrolífero, tendo como base a facilitação de Match-making efforts para diversificar a cadeia de investidores e parcerias, de modos a se moldar a percepção sobre as oportunidades de investimentos no sector petrolífero.

O Fórum Banca Oil & Gas tem como objectivo aprofundar a participação da banca comercial e outras instituições financeiras na actividade petrolífera, abordar sobre a criação do fundo petrolífero angolano e o modelo a ser aplicado, com o intuito de se apoiar o desenvolvimento das infra-estruturas industriais e a capacidade técnica das empresas exploradoras e prestadoras de serviço no sector de Oil & Gas. 

Subscreva

- Obtenha acesso total aos nossos conteúdos premiums

Recentes

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui