Quarta-feira, Setembro 28, 2022

Congo Prepara-se para Licitar 30 Blocos Petrolíferos

Must read

A República Democrática do Congo (RDC) prepara-se para licitar 27 blocos de petróleo e 3 blocos de gás em sua próxima rodada de licitação, em meio aos baixos investimentos feitos na sua indústria de hidrocarbonetos ao longos dos últimos anos, tendo em conta a evolução do mercado energético global, relativamente a demanda e os preços das commodities energéticas.  

A nova rodada de licitação abrange 30 blocos, nomeadamente 3 na bacia costeira da província do Kongo Central, 11 perto do Lago Tanganyika, 9 na Cuvette Centrale e 4 perto do Lago Albert. Os 3 blocos de gás estão localizados no Lago Kivu. 

O Congo pretende revitalizar o seu sector petrolífero, desbloqueando o seu enorme potencial de hidrocarbonetos, localizado nas 3 principais bacias sedimentares do país, a bacia costeira, a Cuveta Central e o Ramo Oeste do Rift da África Oriental (Grabens Albertine, Lago Kivu e Tanganyika). De acordo com o Ministério de Hidrocarbonetos da RDC, até o momento, o país africano explorou apenas 4,5% do seu potencial de recursos de petróleo e gás, sendo que devido ao subinvestimento no sector, a produção do Congo permaneceu em aproximadamente 25 KBPD durante 1 ano.  

No entanto, o anúncio de licitação destes novos blocos despertou preocupações por parte de vários grupos e activistas ambientais, já que muitas das concessões de petróleo e gás se sobrepõem aos parques nacionais daquele país. Em resposta aos protestos dos ambientalistas, o Ministério de Hidrocarbonetos do Congo, assegurou que a exploração e o desenvolvimento dos referidos blocos serão realizados de forma ecológica, sem qualquer impacto negativo no ambiente, tendo em conta as disposições legais, bem como o respeito pelo compromisso assumido pela RDC durante a conferência COP 26 realizada em Glasgow.  

No passado, o Congo tinha programado colocar à disposição apenas 16 blocos de petróleo, mas agora aumentou para 30 blocos para capitalizar as oportunidades e tirar maior vantagem do actual panorama energético global.

- Advertisement -spot_img

Mais Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img

Mais Recentes