Domingo, Agosto 14, 2022

Equinor Cancela Actividades de Exploração na África do Sul

Must read

A Equinor, major  norueguesa, decidiu abandonar a sua extensa área de exploração na costa da África do Sul para se concentrar em activos upstream mais atraentes após uma decepcionante campanha sísmica. 

A Equinor, anteriormente Statoil, entrou na África do Sul em 2015 após adquirir uma participação de 35% no bloco Tugela Sul liderado pela ExxonMobil, que  atcualmente tem 4 licenças de exploração em águas profundas na costa leste do país, três das quais são parceiras da Exxon. 

Após uma avaliação dos dados sísmicos adquiridos e com o aumento da concorrência no portfólio de exploração, essas oportunidades não se classificam bem o suficiente em comparação com outras oportunidades, após as aprovações regulatórias para sair dos blocos. 

A mudança ocorre a menos de 2 anos depois que a Equinor aumentou sua presença na exploração na África do Sul com 50% de farm-in na enorme licença de exploração de Deepwater Durban da Exxon à 50.000 km2 . 

A decisão de retirar as licenças em águas profundas também ocorre enquanto a major francesa Total está a preparar uma nova perfuração de exploração perto da primeira descoberta em águas profundas da África do Sul.  

A descoberta de condensados de gás Brulpadda da Total em Mossel Bay, no Cabo Ocidental, em meados de 2019, foi uma das maiores descobertas globais do ano, e estima-se que Brulpadda tenha cerca de 1 mmboe. 

Além dos blocos Tugela South e Deepwater Durban, a Equinor detém uma participação de 35% no bloco Transkei-Algoa, outra grande licença que cobre 45.000 km 2 ao longo da costa leste da África do Sul.  

A Exxon opera o bloco com 40% em parceria com a Impact Africa com os 25% restantes. A empresa também opera o bloco de Algoa Leste da África do Sul com uma participação de 90%  em parceira de 10% OK Energy. (Platts).

- Advertisement -spot_img

Mais Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img

Mais Recentes