Terça-feira, Dezembro 6, 2022

Must read

Mais Artigos

Sector Petrolífero do Equador com Boas Perspectivas a Longo Prazo

A estatal canadiana New Stratus Energy, empresa de petróleo e gás com foco na América Latina, assinou um Memorando de Entendimento (MoU) com a petrolífera estatal do Equador EP Petroecuador para acelerar o desenvolvimento e optimizar a produção dos campos petrolíferos localizados nos blocos 43 e 31 daquele país.  

O MoU que também visa minimizar o impacto ambiental no desenvolvimento de campos, foi assinado em 5 de Junho durante uma reunião conjunta entre representantes do governo do Equador, EP Petroecuador e da companhia New Stratus. O MoU comporta aspectos chaves que incentivam o esforço cooperativo para desenvolver a produção de petróleo e gás dos Blocos 43 e 31, ambos operados pela EP Petroecuador. A celebração deste acordo objectiva aumentar a produção de petróleo dos níveis actuais de aproximadamente 60 KBOPD para cerca de 250 KBOPD nos próximos 5 anos. 

Os blocos 43 e 31 incluem os grandes campos petrolíferos de Ishpingo, Tambococha e Tiputini, que são a pedra angular do plano do governo de dobrar a actual produção de petróleo do país para cerca de 1 MBOPD. 

Actualmente, a New Stratus Energy opera os Blocos 16 e 67, com uma produção em torno dos 15.500 BOPD. A infraestrutura existente nos 2 blocos, incluindo os sistemas de geração de energia, processamento em excesso e capacidade de exportação via pipeline, será um elemento essencial para apoiar a estratégia de esforço conjunto descrita no MoU. Os investimentos estimados associados ao plano do MoU ultrapassam $1,2 bilião. A execução do plano delineado no MoU está condicionada à conclusão das negociações entre o governo local e a empresa New Stratus, com a finalidade de efectuar a migração para os Contratos de Partilha de Produção e a extensão dos actuais contratos de serviço para os Blocos 16 e 67.  

O investimento de $1,2 bilião, a ser garantido pela New Stratus, financiará a perfuração e conclusão de mais de 200 poços planeados pela EP Petroecuador nos Blocos 43 e 31, juntamente com a construção de corredores energéticos ecológicos para conectar esses blocos às instalações do Bloco 16, bem como a prestação de todos os serviços de apoio associados, incluindo estudos de reservatórios, gestão de projectos e actividades de proteção ambiental.

- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img

Mais Recentes